stickyimage

Leia mais Fechar
http://fatosnoticiasonline.com.br/wp-content/uploads/2014/09/Banner-site-curvas1.jpghttp://fatosnoticiasonline.com.br/wp-content/uploads/2014/09/Banner-site-curvas1.jpg


TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO RIO CASSA LICENÇAS PARA SE VINGAR DO SIND-JUSTIÇA

Tribunal de Justiça do Rio é denunciado por academia exclusiva, nepotismo e mau uso de dinheiro público e por isso cassa licenças para se vingar do SIND-JUSTIÇA

Desembargador Milton Fernandes

Desembargador Milton Fernandes

O SIND-JUSTIÇA veio a público manifestar o seu profundo repúdio e vergonha diante da retaliação por parte do Presidente do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro, Desembargador Milton Fernandes, em relação às sérias denúncias que fizeram nos últimos dias, envolvendo a Administração do TJRJ.

Levando ao conhecimento de todos o funcionamento de uma academia que funciona no prédio do Tribunal de Justiça, que custou milhões de reais aos cofres públicos e atende exclusivamente a magistrados e seus parentes.

Também divulgaram a edição especial da revista SIND-JUSTIÇA, com mais denúncias envolvendo nepotismo, benesses, contratos suspeitos, gastos secretos e destinação de custas para entidades privadas, entre as quais a Mútua dos Magistrados.

“Em casos como este, geralmente, a parte denunciada vem a público e se manifesta. Porém, quando não há explicação, o denunciado ataca quem denunciou, para tentar calar e desviar o foco das denúncias. Foi exatamente o que aconteceu. E eles nem disfarçaram.” (Disse um Advogado que não quis se identificar)

Este mesmo Advogado citou que o Sindicato esta sofrendo retaliação e deu como exemplo o processo 2015-004510 (que trata das licenças sindicais) que estava arquivado desde 04/10/2016. Mas vejam a velocidade impressionante deste processo na data de hoje (24/08):

24/08/2017 – O processo foi desarquivado
24/08/2017 – O processo foi encaminhado para a DGPES
24/08/2017 – O processo foi para a assessoria jurídica da DGPES
24/08/2017 – O processo foi encaminhado, a pedido, para o gabinete da Presidência
24/08/2017 – O processo recebeu um despacho do presidente, em conjunto com o Corregedor, com um texto tão grande que encheu 4 páginas inteiras do DO.

Tudo isso em um único dia, velocidade do TJ, desarquivamento na semana em que foi feita as denúncias, cassação  das licenças sindicais do Sind-Justiça e mantendo apenas 4 diretores.

A categoria possui cerca de 14 mil servidores e tem cerca de 14 mil associados ao SIND-JUSTIÇA, “fruto da credibilidade e da seriedade do nosso trabalho, que tanto incomoda. Trabalhamos muito para atender aos nossos associados e defendê-los dos ataques do governo e do próprio TJ. Por isso, precisamos das licenças.” (Disse outro Advogado)

photoA direção do  SIND-JUSTIÇA diz “que não vai se calar com corte da licença e que não é a primeira vez que o TJRJ tenta calar o Sindicato por causa de denúncias. E, que preferem perder as licenças do que perder a nossa voz e a nossa dignidade. Haverá mais denúncias, disso não tenham dúvidas. Porque enquanto houver o uso vergonhoso de dinheiro público para a verdadeira farra que se faz neste Tribunal em benefício da magistratura, haverá o Sind-Justiça denunciando. Com licença ou sem licença. Levaremos ao CNJ imediatamente esta vergonhosa artimanha do Tribunal para calar as nossas denúncias. O Tribunal de Justiça do Rio talvez não tenha entendido que o país vive um momento de mudança, sem espaço para este tipo de desmando, autoritarismo e vingança. A relação casa Grande & Senzala já encerrou o seu ciclo. Só a magistratura não entendeu isso, insistindo em seus super-salários, seu assédio moral, seu péssimo uso de dinheiro público, seus penduricalhos, suas perseguições e suas retaliações, que envergonham a categoria e chocam a sociedade. Denunciaremos também aos órgãos internacionais a situação da justiça do Rio de Janeiro, que deveria dar o exemplo, mas é a primeira a tentar calar quem denuncia as coisas erradas. Ou tentam calar, sem sucesso. Em nome do Poder Judiciário, pedimos desculpas à população pelo péssimo exemplo vindo do TJRJ, que deveria fazer justiça. Sabemos que vocês sempre esperam mais do que isso de um Tribunal de Justiça. Nós também. A sociedade merece muito mais do que isso. E teremos, um dia, não temos a menor dúvida. Provavelmente quando a Lava Jato se transformar em Lava Toga e restabelecer a moralidade no Poder Judiciário.”

O Sindi-Justiça – Sindicato dos Servidores do Poder Judicial do Estado do Rio de Janeiro, que já vinha fazendo denúncias contra o TJ/RJ, construiu um DOSSIÊ contra TJ/RJ.

As denúncias apresentadas no DOSSIÊ contra o TJ/RJ são gravíssimas e o Movimento Advogados Unidos EXIGE que a OAB/RJ se posicione sobre as denúncias, pois muitas delas atingem diretamente a advocacia e o jurisdicionado.

O Movimento Advogados Unidos não apenas EXIGE um posicionamento, como EXIGE que a OAB/RJ procure o Ministério Público para que seja apurado todas as denúncias do Sindi-Justiça.

Um Tribunal do tamanho do TJ/RJ, que julga MILHARES de processos não pode em HIPÓTESE alguma estar envolvido em DENÚNCIAS, principalmente no atual momento, onde o TJ/RJ está extinguindo o Dano Moral dos processos nos juizados.

O MOVIMENTO ADVOGADOS UNIDOS exige uma investigação sem precedentes, para que cada denúncia seja apurada e informamos que vamos procurar as AUTORIDADES para que nada seja esquecido.

Por fim, o MOVIMENTO ADVOGADOS UNIDOS, vem dar os parabéns ao Sind-Justiça, pelo ATO DE CORAGEM, pois nós do MOVIMENTO ADVOGADOS UNIDOS, sabemos o que é enfrentar tal força e desde já nos colocamos à disposição do sindicato, caso o TJ/RJ decida perseguir seus membros, principalmente a direção geral do sindicato.

Por: SIND-JUSTIÇA

Rogerio Ramos
Sobre

Vice Presidente da AIERJ (Associação de Imprensa do Estado do Rio de Janeiro). Jornalista, Produtor de TV, Editor e Diretor da Fator 3 Comunicação. Especialista em Marketing Político, onde se tornou conhecido por participar de várias campanhas eleitorais vitoriosas onde atua no mercado há 17 anos. Também escreve matérias para alguns jornais do Rio de Janeiro e para o portal de noticias www.fatosnoticiasonline.com.br comentando sobre diversos assuntos. Contato: +55 (21) 96439-0928 Email: rogerio@fator3comunicacao.com.br

Comente

Required